Lakorn : Cubic / คิวบิก (2014)

Gênero : Drama , ação , romance
Capítulos : 16


Sinopse: O pai de Nark tem uma divida milionária com Li Lan Ser , um  perigoso mafioso de Hong Kong . Ao descobrir que Lan Ser planeja pegar sua filha como pagamento pela divida ele foge com as duas garotas , mas na metade do caminho Nark recorda que esqueceu algo e precisa retornar para casa. 
Nark não consegue fugir e então é apanhada pelos capangas de Lan Ser e levada para viver em Hong Kong. Chegando la, ele descobre que trouxeram a irmã errada , pois o verdadeiro pagamento seria Nam ( a irmã mais velha de Nark) , uma jovem bonita e delicada , que chamou a atenção dele desde o primeiro momento. 
Ao saber da grande divida do pai , Nark desafia ao mafioso dizendo que : Ela pagara toda a divida antes que ele encontre Nam (a irmã dela). Claro que ele aceita o desafio!
 Nark é o patinho feio da família , mas é uma garota muito inteligente , só que nem se compara com sua bela irmã Nam.  Mas com sua inteligência , perspicácia e língua afiada fara todo o possível para reduzir sua divida e salvar sua irmã , para assim poder voltar para Tailândia. Mas as coisas não vão ser tão simples assim. Pois Lam ser começa a se interessar pela jovem e não a deixara  ir .


Minha classificação : Bom! 

|| DOWNLOAD / ONLINE ||
[ somente em espanhol!]



VÍDEO



Então é isso , até a próxima!

Elaine Queiroz ~~

**Para os apaixonados por lakorns , deixo a dica do meu outro blog " Universe Lakorn " (  sinopses / locais para baixar )

8 comentários:

  1. Até ano passado tinha ele todo em português no VIKI, uma pena que eles tiraram ~~'

    ResponderExcluir
  2. Amei esse gente indico pra vcs assistirem no começo não gostei muito mais depois teve cena que até chorei amei

    ResponderExcluir
  3. Onde podemos assistir a esses Lakorns?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Português não tem! Em espanhol eu deixei três opções de links.

      Excluir
  4. Amei a história, mas confesso que foi um pouco difícil engolir o ator principal (convenhamos que a atuação do cara era PÉSSIMA). Ainda assim, esse lakorn vale a pena.

    ResponderExcluir
  5. Olá, existe a possibilidade de algum fansub legendar esse drama?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Taty. Esse lakorn ainda não foi legendando em português. Até o dado momento não conheço nenhum fansub q tenha se disponibilizado a legendar ele.

      Excluir
  6. voltando ao blog para deixar minha opinião sobre o lakorn. Esse foi o segundo que assisti, já havia visto U-Prince, Ugly Duckling e a woman's trickery, mas achei diferente do CUBIC e não sei se esses três se encaixam na categoria Lakorn. Bom eu tive uma boa primeira impressão e já estou com outras duas séries Tailandesas na lista para assistir.




    ATENÇÃO!!!!! Contém *Spoilers*





    Gostei do enredo, achei varias partes engraçadinhas, a atriz que fez a Nark atual bem no papel, tenho que concordar com o comentário acima o ator principal não ajudou muito na atuação (achei ele um pouco fraco), considero isso comparando as atuações das séries coreanas e japonesas que já assisti, não sei se esse é o perfil de atuação nos Lakorns.
    O que me surpreendeu muito foram as mortes, por essas eu não esperava... Mas achei que isso me prendeu a série porque o enredo em si é bom, mas como é um perfil diferente do que estou acostumada se não houvesse essas surpresas já teria largado de mão.
    Sinceramente tava torcendo para a Mei Jing ficar com o Zhong xin :(
    Outro ponto que faltou com certeza: Beijos (acabei de ver o ultimo episodio e me peguei pensando... nossa assisti 16 ep de 1h e 45 min cada sem um beijo sequer do casal principal :( Sad ) Senti falta disso para dar mais química aos personagens.
    Enfim a série é bem legal. Para quem nunca viu esse tipo de série recomendo não comparar e dar uma chance, é diferente, mais teatral e um tanto conservadora, mas vale a pena conhecer um tipo de série diferente e s tramas faz valer a pena.
    Obrigada pela dica.
    Espero poder ter tempo no futuro de traduzi-la para mais pessoas poderem assistir a esse Lakorn.

    ResponderExcluir